Os cinco policiais militares do 37° Batalhão que foram filmados agredindo um homem no bairro do Capão Redondo, na zona sul de São Paulo, foram afastados das ruas, segundo a corporação. A PM abriu um inquérito para apurar a ocorrência.

As imagens mostram agentes da Rocam (Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas) segurando um homem negro de blusa azul e aplicando diversos golpes como socos e chutes.

Leia mais: Helicóptero roubado de São Paulo é encontrado em Minas Gerais

Cerca de cinco policiais estão no local e ao menos três deles agridem o homem, que até o momento não foi identificado. O autor das imagens não aparece na gravação, que é interrompida quando um dos agentes percebe que está sendo filmado e caminha em direção à pessoa com a arma na mão.

Alguns dos agentes estão com câmeras no capacete. A medida de utilizar o dispositivo foi iniciada em abril de 2019 com o próprio 37° Batalhão, que foi pioneiro na utilização das câmeras.

Veja também: Três dos brasileiros fugitivos foram presos juntos no Paraguai em 2017

Na época, o tenente-coronel Robson Cabanas Duque, comandante do Batalhão afirmou que “inicialmente seriam 120 câmeras instaladas em policiais do 37º Batalhão, que atuam nas regiões do Capão Redondo e do Jardim Ângela”. Ele é um dos responsáveis pelos estudos a respeito do sistema.

Em nota, a Polícia Militar afirmou que todos os fatos serão apurados por meio de inquérito policial e os militares foram afastados do serviço operacional. Veja vídeo da agressão:

Fonte: R7

Load More Related Articles
Load More By - redação
Load More In São Paulo
Comments are closed.

Check Also

Prefeitura, em parceria com Sebrae, dá início a mais uma turma de capacitação para microempreendedores

Prefeitura, em parceria com Sebrae, dá início a mais uma turma de capacitação para microem…