Vigilância Sanitária inspeciona quiosques do Leblon, além de bares, boate e posto de combustível no Recreio e na Barra. Foto: Divulgação/Vigilância Sanitária

A Prefeitura do Rio, por meio da Subsecretaria de Vigilância Sanitária, realizou na noite desta sexta-feira, 07/08, ação específica para conferir a formação de novos pontos de aglomeração em quiosques do Leblon e em outros cinco comércios de alimentos da Barra da Tijuca e Recreio. Dos quatro quiosques, apenas um estava aberto (o La Carioca), mas nenhuma irregularidade foi identificada. Já a equipe que atuou nos estabelecimentos da Zona Oeste multou dois dos cinco locais inspecionados por desrespeito ao distanciamento mínimo de dois metros entre mesas e cadeiras. Um deles recebeu também um termo de intimação com exigências de adequações estruturais a serem providenciadas.

Um dos estabelecimentos infracionados foi o bar da Avenida Érico Veríssimo, 821, na Barra. O outro foi a boate que funciona na Armando Lombardi, 421, no mesmo bairro. Os outros três pontos vistoriados foram dois restaurantes e um posto de gasolina da Avenida Lúcio Costa, no Recreio, todos eles de acordo com as Regras de Ouro e demais normas higiênico-sanitárias estabelecidas nos protocolos de medidas de prevenção à Covid-19 elaborados pela Vigilância Sanitária, pasta vinculada à Secretaria Municipal de Saúde.

As ações desta sexta-feira contaram com a participação de equipes da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop) e da Guarda Municipal do Rio (GM-Rio), e apoio da Polícia Militar. Iniciada em março, a Operação Covid-19 da Vigilância Sanitária inspecionou mais de 6 mil estabelecimentos, com quase 200 interdições e mais de 3 mil multas aplicadas, a maioria por falta de higiene (incluindo a ausência de dispensadores de álcool 70% em gel, sabão líquido e de papel-toalha), aglomeração e ausência de licença sanitária.

Ações em quiosques – A Vigilância Sanitária vem intensificando a inspeção em quiosques desde 2 de julho, início da Fase 3A que autorizou bares, restaurantes e demais comércios de alimentos a retomarem o atendimento ao público. Em pouco mais de um mês, fiscais sanitários inspecionaram 52 quiosques para conferir se as restrições estão sendo cumpridas. Além dos quatro do Leblon vistoriados na noite desta sexta, as equipes fiscalizaram outros 48 durante o dia, resultando em um termo de intimação com exigências de adequações estruturais e cinco multas: três por falta de higiene, uma por ausência de licença sanitária e uma pelo não cuprimento do distanciamento de dois meses entre mesas. A Vigilância segue com as fiscalizações, lembrando a importância de contar com a participação da população registrando irregularidades na Central 1746 ou no Disk Aglomeração.

Mais

Notícias

Load More Related Articles
Load More By - redação
Load More In Rio de Janeiro
Comments are closed.

Check Also

Prefeitura formaliza criação do Centro Integrado de Mobilidade Urbana

Objetivo é promover ações de planejamento e operação dos transportes, por meio de soluções…