Home America Praticantes de swing baleados no sexo levam indenização milionária

Praticantes de swing baleados no sexo levam indenização milionária

2 min read
0
Quer receber as principais notícias do NH TV pelo Facebook Messenger? Inscreva-se agora.

O casal foi abordado quando fazia sexo em um sofá. Foto: Facebook/Reprodução

O casal foi abordado quando fazia sexo em um sofá. Foto: Facebook/Reprodução

Dois praticantes de swing (troca de casais) terão direito a uma indenização milionária após serem baleados por engano pela polícia. O caso aconteceu em 8 de julho de 2017, em Melbourne, na Austrália, e a sentença foi anunciada na quinta-feira (14). Zita Sukys, de 38 anos, e Dale Ewins, de 36, participavam de uma festa na boate Inflation quando os agentes entraram no local.

O casal foi abordado quando fazia sexo em um sofá. Dale usava uma fantasia de Coringa, vilão do Batman, e segurava uma arma de brinquedo contra a parceira. Já Zita se vestia como Arlequina, outra personagem das histórias do homem-morcego. Os policiais acharam que o revólver fosse real e abriram fogo contra os dois.

Segundo os autos do processo, Dale foi ferido nas costas, espancado e pisoteado, enquanto Zita foi atingida em uma das pernas. Ele precisou de 11 cirurgias para se recuperar, enquanto a parceira alegou ter sofrido de problemas psicológicos após o incidente. O valor da indenização não foi revelado.

Fonte: OP9

Load More Related Articles
Load More By - redação
Load More In America
Comments are closed.

Check Also

“Não dava pra viver de HQ no Brasil”, diz Mike Deodato

Mike Deodato dá palestra durante a CCXP 2019 (Diego Padilha/CCXP) Mike Deodato Jr. é um do…