Home Entretenimento Música Polícia culpa produção de Marília Mendonça sobre show tumultuado em BH

Polícia culpa produção de Marília Mendonça sobre show tumultuado em BH

7 min read
0
Quer receber as principais notícias do NH TV pelo Facebook Messenger? Inscreva-se agora.

O último show da turnê ‘Marília Mendonça Em Todos Os Cantos’, na cidade de Belo Horizonte na segunda-feira (7), foi marcado por muita confusão, criminalidade e riscos à segurança pública do município. Agora, em coletiva de imprensa, a Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) fez duras críticas à organização do show surpresa.

Veja também:
Marília Mendonça faz show surpresa em BH que acaba em tumulto

O porta-voz do órgão, major Flávio Santiago, informou que a empresa organizadora da apresentação omitiu o nome da cantora no ofício enviado à PM como parte da estratégia do evento. Segundo ele, a polícia não teve tanto tempo hábil para se preparar, sendo avisada do evento durante o fim de semana. “Os órgãos tiveram pouquíssimo tempo para a reestruturação de seus trabalhos”, afirmou.

O representante completou dizendo que os organizadores “mentiram, pois previram 20 mil pessoas”. “Quando souberam que a praça só comportava 15 mil pessoas, reduziram para 15 mil para se adequarem à legislação, mas sabiam que a previsão seria de mais pessoas. […] Não podemos brincar com a segurança pública e foi o que nós vimos aqui [durante o evento]. Por que não foi ratificado [a expectativa real de pessoas]? Por uma estratégia de marketing? O marketing não pode envolver a vida das pessoas”, afirmou.

O público, segundo ele, foi de “no mínimo 50 mil pessoas”. Foram 46 registros de ocorrência e 14 pessoas presas no total, sendo cinco delas por arrastões. Entre os crimes registrados, ainda houve casos de tentativa de homicídio, roubos, furtos e depredação ao patrimônio público.

Veja também:
Grávida, Marília Mendonça cai no chão durante gravação na TV Globo

Flávio lembra, ainda, que o Carnaval de Belo Horizonte é considerado o maior evento de rua do Brasil e que a cidade tem capacidade para tal, desde que seja realizado planejamento prévio. “Basta imaginar que temos um evento como o Carnaval sendo planejado desde agora. Ante isso, veja a irresponsabilidade em se fazer os eventos sem a devida comunicação necessária!”, diz.

“Quando não passo informações oficiais, eu inibo que o poder público se prepare com toda a efetividade para um evento dessa magnitude. Trabalhamos com a restauração da ordem pública e com redução de danos. Fizemos um trabalho rápido e que se não fosse essa ação conjunta com a prefeitura, talvez tivéssemos um evento catastrófico”, prosseguiu.

Ministério Público

O porta-voz informou, ainda, que o organizador do evento já foi avisado das providências que serão tomadas contra a empresa em âmbito civil e penal, todas chanceladas pelo Ministério Público. “Eles podem responder penal, civil e administrativamente. Por danos, qualquer prejuízo com depredações que seja detectado pela prefeitura municipal. E podem ser responsabilizados, ainda, pelo perigo à saúde e à vida das pessoas que ali estavam”, completa.

O projeto ‘Todos Os Cantos’ leva shows gratuitos da artista para vários lugares do Brasil para a gravação de um DVD e um documentário.

Marília Mendonça ‘lamenta os fatos relatados’

Procurada, a assessoria de Marília Mendonça afirmou que “todas as autoridades locais são previamente avisadas e as autorizações solicitadas aos órgãos de segurança local”, que a produção seguiu as “orientações das autoridades locais” e ainda “contratou um contingente de mais 100 seguranças”.

De acordo com a nota, a cantora “lamenta profundamente os fatos relatados e reforça que o projeto é uma maneira de retribuir ao seu público, através do show gratuito, o carinho que recebe dos fãs”.

Load More Related Articles
Load More By - redação
Load More In Música
Comments are closed.

Check Also

Mãe de MC Gui pede desculpas após polêmica com filho: “Um erro”

Após ser acusado de humilhar uma criança na Disney, o funkeiro MC Gui tenta se explicar de…