“Gatos” abasteciam comércios irregulares. Ao todo, 10 ambulantes foram notificados para a retirada de estruturas do espaço público. Foto: Divulgação/Seop

A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop), identificou quatro ligações clandestinas de energia elétrica e de água em ação conjunta na Rua Igarapé-Açu, em Jacarepaguá, na Zona Oeste, nesta terça-feira, 20/10. Três dos pontos foram desfeitos pela Light e um pela Cedae. Os “gatos” abasteciam o comércio irregular. Ao todo, 10 ambulantes foram notificados para a retirada de estruturas, como carroças, mesas, cadeiras e tenda, do espaço público. Ainda durante a operação, dois veículos foram multados por estacionamento irregular, e uma tonelada de resíduos sólidos foi recolhida.

Com planejamento da Subsecretaria de Operação (Subop) da Seop, a ação contou com efetivos da Guarda Municipal, Coordenadoria de Controle Urbano (órgão da Secretaria Municipal de Fazenda), Subsecretaria de Conservação, Coordenadoria de Fiscalização de Estacionamentos e Reboques (da própria Seop), Comlurb, Cedae, Light e Polícia Militar (18º BPM).

“Blitz da Vida acolheu oito pessoas em Madureira

Nesta semana, a Seop também promoveu mais uma “Blitz da Vida” em Madureira, na Zona Norte, registrando oito acolhimentos de pessoas em situação de rua, entre 61 abordadas na segunda e terça-feira, dias 19 e 20. Com foco na prevenção à Covid-19 na fase de retomada, as operações resultaram ainda em 25 multas de trânsito, sendo 23 a veículos do transporte complementar (vans e kombis) por diversas irregularidades. No comércio ambulante, foram apreendidos 87 itens (bebidas diversas e um botijão de gás), e nove quilos de mercadorias (máscaras, doces e biscoitos). Já a Comlurb recolheu cerca de 800 quilos de resíduos.

A força-tarefa contou com agentes da Subop e das coordenadorias de Reboques, de Transporte Complementar, e de Cuidado e Prevenção às Drogas, ligadas à Seop; Guarda Municipal; Subsecretaria de Licenciamento, Fiscalização e Controle Urbano (da Fazenda); Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos; Comlurb; e Polícia Militar.

Balanço geral da “Blitz”

– Em 13 semanas, de 21 de julho a 16 de outubro, a Seop realizou 58 ações conjuntas da “Blitz da Vida” em 17 bairros do Rio. Foram mais de 2,3 mil fiscalizações e orientações a estabelecimentos comerciais e ambulantes, e 1.052 abordagens a pessoas em situação de rua, com 250 acolhimentos. As equipes aplicaram, ainda, mais de 750 multas de trânsito por diversas irregularidades, com 296 remoções de veículos por estacionamento irregular e 297 autuações a vans e kombis do transporte complementar de passageiros; e recolheram mais de 73 toneladas de resíduos sólidos. A “Blitz” percorreu áreas sensíveis a aglomerações no Centro, Copacabana, Ipanema, Leblon, Campo Grande, Santa Cruz, Tijuca, Freguesia de Jacarepaguá, Taquara, Praça Seca, Madureira, Cascadura, Méier, Barra da Tijuca, Flamengo, Botafogo e Penha.

Outros números

Desde o início das ações de combate à pandemia, em 18 de março, a Seop integrou mais de 698 operações conjuntas em toda a cidade, onde foram fiscalizados 38.838 estabelecimentos, com 28.101 pontos comerciais fechados. Além disso, foram atendidas 11.463 ocorrências pelo Disk Aglomeração, que funciona desde 31 de março com base em chamados à Central 1746.

Links para imagens:

https://www.flickr.com/photos/188084983@N05/albums/72157716555556771 (Ação de ordenamento em Jacarepaguá)

Mais

Notícias

Load More Related Articles
Load More By - redação
Load More In Notícias
Comments are closed.

Check Also

Reino Unido autoriza uso emergencial de vacina contra covid-19

Agência Estado postado em 02/12/2020 08:01 / atualizado em 02/12/2020 08:03 (crédito: JOEL…