Home Entretenimento Curiosidades Libido da mulher diminui depois do parto: médica ensina 2 passos para recuperá-la

Libido da mulher diminui depois do parto: médica ensina 2 passos para recuperá-la

7 min read
0
Quer receber as principais notícias do NH TV pelo Facebook Messenger? Inscreva-se agora.

casal romance sexo 0519 1400x800

casal romance sexo 0519 1400x800

fizkes/Shutterstock

Depois do parto, o organismo da mulher direciona todas as suas energias para amamentar e cuidar do bebê. Por uma série de questões hormonais, fisiológicas e também emocionais, este processo resulta na diminuição do desejo sexual.

Para produzir leite, o corpo da mãe libera altas doses de prolactina, hormônio que inibe o estrogênio. Como consequência, a lubrificação vaginal e o desejo sexual são diretamente afetados.

Vida sexual depois do parto

É comum sentir mais dores na região genital durante o puerpério, além dos sintomas psicológicos que a chegada de um bebê pode trazer para a mãe: ansiedade, insegurança e, em muitos casos, a tristeza provocada pelo famoso “baby blues”.

Há ainda outro fator fisiológico que interfere na libido da mulher: os hormônios ligados à amamentação fazem com que o organismo interrompa o ciclo menstrual por até seis meses, como forma de “adiar” uma eventual nova gestação.

casal cama sexo 0519 1400x800

casal cama sexo 0519 1400x800

fizkes/Shutterstock

Quando a mulher volta ao normal?

A partir do momento em que as mamadas ficam mais espaçadas, o ciclo menstrual começa a se normalizar, e a mulher tende a voltar a sentir desejo sexual. Mas isso depende das características do organismo e da rotina de cada uma.

“No geral, para além da questão hormonal e amamentação, fica meio difícil uma mãe com privação de sono e todos os desafios do puerpério estar louca para transar, né?”, observou a ginecologista e obstetra Anna Beatriz Herief em post no Instagram.

libido masturbacao cama 0918 1400x800

libido masturbacao cama 0918 1400x800

NATNN/shutterstock

Como aumentar a libido: 2 passos

Em uma publicação no perfil Saúde Honesta, a médica listou dois conselhos que podem ajudar as mulheres a recuperar a libido depois do parto.

O primeiro é muito simples: paciência e respeito. No futuro, com certeza, a mulher vai se dar conta do quanto este momento passa rápido.

A segunda dica diz respeito ao companheiro, que deve ter respeito pela situação da mulher e compreender que o sexo é muito mais do que apenas a penetração. “Uma massagem nos pés, um filme juntos, um jantar surpresa, ficar com o bebê para a mãe dormir ou tomar um banho… Tudo isso pode trazer o tesão de volta”, aconselha.

View this post on Instagram

Texto da Ginecologista e Obsetetra Anna Beatriz Herief @biaherief: A queda da libido durante o período de lactação, mais marcadamente durante o aleitamento exclusivo, é hormonal e fisiológica. Seu corpo entende que acabou de gestar e parir um serzinho completamente dependente de você neste momento e direciona toda a energia para isso. Sendo assim, o organismo “adia” nova gestação suprimindo ciclos menstruais, gerando atrofia/hipotrofia do sistema genitourinário. O que acontece, na prática? Queda da libido. Com a volta dos ciclos menstruais, é possível que a mulher volte a ter mais desejo sexual, mas isso não é regra (da mesma maneira que há mulheres que ainda não voltaram a ciclar, mas sentem vontade de fazer sexo). No geral, para além da questão hormonal do puerpério e amamentação, fica meio difícil uma mãe com privação de sono e todos os desafios do puerpério estar louca para transar, né? Portanto, recomendamos: 1) Paciência e respeito com esse momento, pois ele passa muito rápido; 2) Que o companheiro exercite a compreensão, que entenda que intimidade é mais do que sexo com penetração em si. Uma massagem nos pés, um filme juntos, um jantar surpresa, ficar com o bebê para a mãe dormir ou tomar um banho demorado e se recuperar de noites mal dormidas… tudo isso pode trazer o tesão de volta à relação. ❤😉 #saudehonesta

A post shared by Saúde Honesta (@saudehonesta) on

Desafios do puerpério

Fonte: Vix

Load More Related Articles
Load More By - redação
Load More In Curiosidades
Comments are closed.

Check Also

Em Paulínia, todos os assentos são preferenciais