Connect with us

Vinhedo

Vinhedo está sem chuvas há mais 40 dias, Sanebavi alerta para uso racional

Artigo

em

LEIA TAMBÉM

propaganda do Google Artigo Top

Vinhedo não registra chuvas significativas há mais de 40 dias e, neste período de escassez, o nível de água nos mananciais diminuiu consideravelmente, o que afeta a capacidade de captação de água bruta para tratamento. O momento é de atenção, pois há alerta de especialistas do Consórcio da Bacia dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí (PCJ) indicando que o período de estiagem deste ano será um dos mais severos em décadas.

Diante da atual situação, a Sanebavi recomenda aos moradores de Vinhedo o uso racional da água para evitar um cenário crítico e para garantir que os mananciais e reservatórios suportem a demanda até o início do período chuvoso, previsto para novembro, evitando problemas de abastecimento no município.

Nesta quarta-feira, 7, o nível da Represa 1 está 1,65m abaixo do máximo e os demais pontos de captação também sinalizam diminuição da vazão, por isso, a Sanebavi pede a conscientização de todos para utilizar a água apenas para as necessidades básicas, sem desperdícios que prejudicam a reservação de água bruta.

De acordo com o levantamento da Defesa Civil, desde fevereiro Vinhedo está com os índices de chuvas abaixo do previsto, no mês de junho a cidade registrou 16,6mm de chuva, 64% menos que a média prevista para o mês.

Propaganda do Google Artigo Baixo

PUBLICIDADE

Americana

Caminhoneiros bloqueiam rodovias federais; alguns postos já começaram a ficar sem combustíveis

Artigo

em

Por

Pelo menos oito estados notificaram o bloqueio de rodovias federais nesta quarta-feira (8), elevando o nível de alerta das operadoras e do mercado, e alguns postos começaram a ficar sem combustível.

O movimento é organizado por caminhoneiros que dirigem sozinhos. Há um dia, manifestantes pró-governo de todo o país exigiam o fechamento das pautas do Supremo Tribunal Federal (STF) e da Assembleia Nacional.

LEIA TAMBÉM

As rodovias federais de Goiás, Paraná, Espírito Santo, Santa Catarina, Mato Grosso, Bahia, Tocantins, Maranhão e Rio de Janeiro, todas possuem registros bloqueados.

Em Santa Catarina, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) calculou nesta tarde que existem pelo menos 16 gargalos em quatro rodovias federais. No Espírito Santo, pelo menos 10 pontos são mobilizados.

Continue lendo

Vinhedo

Mulher é encontrada morta em córrego de Vinhedo

Artigo

em

Por

A moradora de Vinhedo, Tarcilia Aparecida dos Santos, de 63 anos, foi encontrada morta no córrego da Avenida Otávio Tasca, na manhã de sábado (10).

Ela estava desaparecida desde ontem, segundo a família.

LEIA TAMBÉM

As autoridades policiais, bombeiros e ambulância 192 foram acionados por populares que caminhavam no local, mas foi constatado que já estava morta e com ferimentos na face.

Ao lado do corpo havia uma bicicleta, que não pertence à vítima, e um tênis vermelho.

A Polícia trabalha com a hipótese de homicídio, pois os ferimentos, em tese, não correspondem à queda.

Existe a suspeita de que a bicicleta seja de uma pessoa conhecida na vizinhança.

A investigação está em andamento.

Texto e foto: Folha Notícias

Continue lendo

Vinhedo

Mulher é encontrada morta dentro do córrego Pinheirinho

Artigo

em

Por

Local em que a vítima foi encontrada por populares

LEIA TAMBÉM

propaganda do Google Artigo Top

Tarcila Aparecida dos Santos, de 63 anos, foi encontrada dentro do córrego Pinherinho na manhã de sábado, 10.

Ela foi avistada por populares que caminhavam próximo ao local, na região da Vila Santana. O resgate foi enviado ao local e chegou a encaminhar Tarcila a Santa Casa de Vinhedo, mas foi em vão. O laudo do IML deve trazer as causas da morte.

De acordo com informações, ela saiu de casa pela manhã sem dar informações. A calha do córrego Pinheirinho é bem profunda, tem mais de 4 metros, e quase sem água nessa época do ano, uma queda no local pode ser fatal.

Ainda de acordo com dados obtidos pela reportagem, a Polícia Militar não aprendeu nenhum objeto que estava dentro do córrego. Havia próximo da vítima uma bicicleta, que não pertencia a vítima, um tênis masculino e uma sapatilha feminina.

Na Delegacia de Polícia, a delegada de plantão, Denise Florencio Margarido, vetou a divulgação de mais informações sobre o caso para não atrapalhar as investigações.

A Polícia Civil deve requisitar as imagens de câmeras de segurança localizadas na região para tentar desvendar o que ocorreu com Tarcilia.

Familiares da vítima disseram nas redes sociais que Tarcila poderia ter sido morta e depois jogada no local.

Propaganda do Google Artigo Baixo

Continue lendo
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

TAGS

+ VISTOS

Copyright © 2021 powered by NH TV.