Connect with us

Brasil

PF investiga fraudes de R$ 34 milhões no seguro-defeso para pescadores

Artigo

em

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira, 14, a Operação Retomada, contra suposto criminoso especializado em fraudar benefícios de Seguro-Desemprego do Pescador Artesanal, o seguro-defeso. A corporação indica que a quadrilha atua há mais de cinco anos e estima que as fraudes podem atingir o valor de R$ 34 milhões e envolver aproximadamente 1,5 mil pessoas.

(Foto: EBC)

Cerca de 60 policiais federais cumprem oito mandados de busca e apreensão em Goiás, Minas Gerais e no Distrito Federal.

LEIA TAMBÉM

As investigações são realizadas em parceria com a Coordenação-Geral de Inteligência Previdenciária e Trabalhista do Ministério do Trabalho e Previdência.

O Seguro-Defeso é um benefício pago pelo Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) aos pescadores profissionais artesanais durante o período de defeso, em que são paralisadas temporariamente as atividades de pesca em razão da necessidade de preservação de determinadas espécies de peixes.

De acordo com a PF, o grupo usava documentos falsos para a concessão de seguro-defeso a falsos pescadores.

Os investigadores dizem ter constatado que alguns beneficiários possuem endereços de residências diferentes daqueles declarados nos pedidos do seguro.

Ainda segundo a corporação, também foi identificado que outros beneficiários sob suspeita recebem outro benefício social, como o Bolsa Família, ou possuem outra atividade como meio de subsistência, o que é proibido pela lei. As apurações miram ainda suposta participação de representantes de colônias de pescadores no esquema.

“Até o momento já foi identificado o pagamento indevido de 35 benefícios a falsos pescadores, totalizando um prejuízo de R$ 848.964,05”, diz a PF.

Os investigados podem responder pelos crimes de estelionato majorado e associação criminosa.

De acordo com a PF, o nome da ofensiva, Retomada, faz referência ao “processo de continuidade das operações específicas de combate ao cometimento de fraude ao benefício do seguro-defeso”.

Brasil

Justiça decreta prisão temporária de suspeito de matar neto de Luciano do Valle

Artigo

em

Por

A Polícia Civil prendeu um dos suspeitos de participar do roubo que terminou com a morte Lucas do Valle Oliveira, 29, neto do narrador esportivo Luciano do Valle (1947-2014). A moto utilizada no crime foi apreendida.

Segundo a SSP (Secretaria da Segurança Pública de São Paulo ), a prisão temporária do suspeito, proprietário da moto apreendida, foi decretada pela Justiça.

LEIA TAMBÉM
Foto: Reprodução

O nome do homem preso e mais detalhes não foram divulgados para não prejudicar as investigações que estão sendo realizadas pelo 17º DP (Ipiranga).

Lucas foi baleado na cabeça durante um assalto, por volta das 6h20 da última quarta-feira (15), na região do Ipiranga (zona sul da capital paulista), quando se preparava para realizar gravações em uma quadra esportiva, na rua Gama Lobo.

Dois criminosos em uma moto, segundo a PM, teriam abordado Lucas e levaram o carro dele, um Hyundai Creta branco.

Uma câmera de monitoramento registrou o momento em que um dos criminosos atira contra a vítima. Neste momento seu comparsa, que guia uma moto, foge do local.

O atirador, de acordo com as imagens, corre até a esquina e, ao perceber que foi deixado para trás, volta correndo, embarca no carro de Lucas e foge com o veículo.

O carro foi encontrado logo após o roubo na rua do Lago, a cerca de dois quilômetros de distância do local onde Lucas foi ferido a tiros.

O neto do narrador esportivo morreu na noite de sexta (17), após permanecer dois dias internado, em estado grave, no hospital São Paulo, administrado pela Unifesp (Universidade Federal de São Paulo). A morte foi confirmada pela jornalista Alessandra do Valle, mãe de Lucas, em postagem nas redes sociais.

Continue lendo

Brasil

Volume de chuvas na primavera será insuficiente para conter crise hídrica

Artigo

em

Por

volume de chuvas durante a primavera não será suficiente para encher os reservatórios de água e conter a crise hídrica que o país enfrenta.

LEIA TAMBÉM

Segundo a empresa de meteorologia Climatempo, as regiões Sudeste, Centro-Oeste e Norte terão aumento da frequência e do volume de chuvas entre os meses de outubro e novembro.

Foto: Sanepar

estação começa às 16h21 da próxima quarta-feira (22/9) e vai até as 12h59 de 21 de dezembro, quando se inicia o verão. As precipitações, no entanto, não serão suficientes para sanar a crise hídrica e energética e encher os principais reservatórios do país.

“Apesar da tendência de volume de chuva acima da média normal em áreas importantes para o abastecimento dos reservatórios para geração de energia, o volume de chuva ainda estará muito abaixo do necessário para regularizar a situação”, informou a Climatempo.

Em relação às temperaturas, o país ficará dentro ou acima da média normal em todas as regiões.

Leia a matéria completa no Portal Metrópoles, parceiro da Banda B.

Continue lendo

Brasil

Menino de 2 anos prende cabeça em panela de pressão no Ceará

Artigo

em

Por

Um menino de 2 anos ficou com a cabeça presa em uma panela de pressão após uma brincadeira. João Pedro Silva colocou a cabeça dentro do objeto para imitar “bumba meu boi” e não conseguiu mais tirá-la.

LEIA TAMBÉM
Foto: Arquivo Pessoal

Ele precisou ser levado para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Granjá (CE), na tarde desse sábado (18/9), para receber atendimento médico. As informações são do portal G1.

De acordo com a mãe, Keciane Silva, a cabeça do menino começou a ficar inchada e, mesmo com a ajuda do pai para tentar tirar a panela, João Pedro acabou mais desesperado.

Para ler a matéria completa, acesse o portal Metrópoles, parceiro da Banda B, clicando aqui.

Continue lendo
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

TAGS

+ VISTOS

Copyright © 2021 powered by NH TV.