CIDADE DO MÉXICO (Reuters) – O presidente do México, Andrés Manuel López Obrador, disse nesta terça-feira que o número de empregos perdidos devido à crise sanitária causada pelo coronavírus não vai superar a marca de 1 milhão no país, e que a economia vai chegar ao fundo do poço no segundo trimestre, passando a se recuperar a partir de julho.

O presidente afirmou ter relatórios preliminares que apontam que em maio haverá 350 mil novos desempregados, além dos 550 mil de abril.

(Por Ana Isabel Martínez e Raúl Cortés Fernández)

Load More Related Articles
Load More By - redação
Load More In America
Comments are closed.

Check Also

Com o Programa Vinhedo Asfalto Novo, Prefeitura incluirá as ruas do Observatório, dos Servidores e Luiz Briski em ação d…

Obras + notícias 03.08.2020 A Prefeitura, por meio da Secretaria de Obras, por determinaçã…