Home America Bolsonaro espera que reforma administrativa “nasça” nesta semana

Bolsonaro espera que reforma administrativa “nasça” nesta semana

3 min read
0
Quer receber as principais notícias do NH TV pelo Facebook Messenger? Inscreva-se agora.

BRASÍLIA (Reuters) – O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira que será apresentado na terça à proposta final da reforma administrativa e que espera vê-la encaminhada ao Congresso ainda esta semana.

“Espero que essa semana aí nasça essa criança, que está demorando muito para nascer. Está parecendo filhote de elefante, dois anos para nascer”, disse ao chegar no Palácio do Alvorada.

Segundo o presidente, a proposta do governo está sendo finalizada e sempre tem detalhes para serem ajustados.

Mais uma vez, o presidente demonstrou preocupação com a imagem de que a reforma administrativa possa mexer com direitos dos que são servidores hoje e repetiu que não irá alterar a estabilidade dos atuais, apenas dos que entram no serviço, e que algumas áreas estarão preservadas.

“Não vai atingir os atuais servidores, não vai ser mexido nada no tocante a eles”, ressaltou.

Bolsonaro destacou que a palavra final sobre a reforma será do Congresso.

Mais cedo, ao deixar o Alvorada, Bolsonaro reclamou que as informações sobre o fim da estabilidade colocariam os servidores contra o governo e que tem dito aos ministros que é uma questão de guerra de comunicação.

O governo vem adiando há algumas semanas o envio da proposta. O texto inicial preparado pela equipe econômica foi considerado muito radical pelo presidente e levantou justamente o temor de uma reação dos servidores e do próprio Congresso, em um ano eleitoral.

(Reportagem de Lisandra Paraguassu)

tagreuters.com2020binary_LYNXMPEG1G17K-BASEIMAGE

Load More Related Articles
Load More By - redação
Load More In America
Comments are closed.

Check Also

PEC do orçamento de guerra “caminhou bem” e pode ser votada ainda nesta 6a, diz Maia

BRASÍLIA (Reuters) – O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou …